wi-fi na casa toda

Dicas Para seu WI-FI Pegar em Toda Residência

Nada é pior do que uma zona morta de Wi-Fi. Se você tiver problemas com Wi-Fi irregular, há várias opções para aumentar seus sinais, incluindo roteadores mesh, extensores de Wi-Fi, pontos de acesso e adaptadores de rede.

Você tem problemas urgentes com cobertura e desempenho sem fio ou está se perguntando se está obtendo valor suficiente com sua assinatura de banda larga?

Os problemas de rede sem fio geralmente são causados ​​pela casa ou arredores e não pelo equipamento sem fio em si, nem pelo serviço que você obtém de seu provedor de banda larga. Portanto, sempre recomendamos ter uma visão geral.

Então você saberá onde estão os gargalos e zonas mortas antes de começar a fazer alterações, pensando em mudar de provedor de internet ou investir em um novo roteador caro que provavelmente não resolverá o problema.

Nós compilamos esta lista simples de soluções para garantir que você permaneça conectado em todos os cantos da sua casa.

Execute um teste de velocidade em uma conexão com fio

Comece verificando se o seu provedor de banda larga oferece a velocidade pela qual você está pagando. Use um computador com conexão à Internet com fio para este teste.

Esperançosamente, este teste confirmará que a velocidade de entrega em sua casa corresponde à listada para sua assinatura. Agora você também sabe o desempenho máximo que pode esperar de sua rede sem fio.

Para fazer esse teste de velocidade nós recomendamos:

  • nPerf
  • speedtest.net
  • nettfart.no

Se os resultados do seu teste mostrarem velocidades mais baixas do que você deveria obter com a sua assinatura de banda larga, entre em contato com o seu provedor de serviços de Internet.

Porém, é importante ter em mente que:

  • Na maioria dos casos, seu provedor de serviços de internet se comprometeu a fornecer uma determinada velocidade nas conexões com fio, não nas sem fio.
  • Os testes de velocidade são adequados para conexões com fio e ruins para sem fio, porque o desempenho sem fio é afetado por muitas outras variáveis.

Remova as pequenas barreiras de sinal para Wi-Fi

Remova quaisquer objetos soltos na frente do roteador ou que possam bloquear o caminho dos sinais sem fio sempre que possível.

Um problema comum é quando os roteadores e repetidores são colocados atrás da TV ou de outros aparelhos eletrônicos, ou embaixo da mobília. Tire-os daí!

Fizemos uma pequena lista contendo as coisas que mais interferem e bloqueiam os sinais de wi-fi:

  • Rede de Wi-Fi da vizinhança
  • Várias redes sem fio em sua própria casa
  • Aparelhos conectados via Bluetooth
  • Forno Microondas
  • Paredes de concreto e alvenaria
  • Metal e piso aquecido
  • Paredes de gesso muito espessas
  • Se de um cômodo para outro você tiver um aquário muito grande, saiba que a água fará grande interferência no sinal

Otimize seu roteador sem fio

Seu roteador Wi-Fi é o coração da sua rede doméstica. Ele gerencia todos os dados e garante que tudo chegue aos dispositivos certos. Ele também cria sua rede Wi-Fi.

Roteadores diferentes têm faixas de Wi-Fi diferentes, dependendo de seu hardware e da tecnologia usada para direcionar sinais para dispositivos específicos. A maioria dos roteadores é boa para um apartamento ou casa com menos de 185 metros quadrados.

E alguns roteadores de longo alcance podem aumentar ainda mais os sinais de Wi-Fi.

Como obter o máximo do sinal Wi-Fi do seu roteador

  • Coloque seu roteador em um local central;
  • Posicione suas antenas para cima e para baixo para obter ampla cobertura e lateralmente para obter cobertura vertical;
  • Reinicialize e atualize periodicamente seu roteador para mantê-lo funcionando com eficiência;
  • Certifique-se de que ele possui tecnologia atualizada, qualquer coisa anterior ao AC1200 Wi-Fi é tecnologia antiga;
  • Mantenha-o longe de aparelhos eletrônicos que podem interromper os sinais de Wi-Fi, como alto-falantes Bluetooth, telefones sem fio ou micro-ondas;

Um roteador antigo e desatualizado pode causar baixo desempenho do Wi-Fi, especialmente nas bordas da rede. Se você tem o mesmo roteador há mais de cinco anos e percebe problemas como a queda frequente da rede, é hora de fazer um upgrade.

Mesh Wi-Fi

Os roteadores de malha e sistemas Wi-Fi são projetados especificamente para cobrir toda a sua casa com um sinal Wi-Fi consistente. Um sistema de malha é composto de um roteador primário e um ou mais extensores de malha.

Todos os dispositivos em malha na rede se comunicam para criar uma rede Wi-Fi coesa com cobertura personalizável.

Os roteadores de malha funcionam em qualquer situação, mas funcionam melhor em determinadas situações:

  • Cobrindo casas muito grandes
  • Personalização da cobertura para residências com layouts complexos
  • Estendendo o Wi-Fi para uma garagem ou pátio

Outro fator a favor do Wi-Fi mesh é que a maioria dos sistemas mesh, particularmente o sistema Google Nest Wi-Fi, são realmente fáceis de configurar e gerenciar via aplicativo.

Repetidores de sinal Wi-Fi

Se você não deseja atualizar para um sistema mesh porque tem apenas um ou dois pontos Wi-Fi fracos, um extensor de rede é uma boa opção. Eles vêm em duas formas:

  • Repetidores de Wi-Fi
  • Repetidores de linha

Os extensores (repetidores) de Wi-Fi capturam seus sinais de Wi-Fi existentes e os retransmitem para estender seu alcance. Comprar um repetidor de sinal Wi-Fi é muito mais barato do que comprar um sistema mesh totalmente novo, mas ainda estende sua rede para cobrir zonas mortas.

No entanto, os repetidores de Wi-Fi podem usar apenas o sinal que você já possui, então há uma chance de que você acabe estendendo um sinal de Wi-Fi fraco.

Os repetidores de linha de energia usam a fiação elétrica de sua casa para transportar sinais de internet de um adaptador próximo ao roteador para outro em uma parte diferente da casa. Nem todos os adaptadores powerline têm compatibilidade nativa com Wi-Fi, mas muitos têm.

Cabos Ethernet

As conexões com fio à Internet são inerentemente mais rápidas e confiáveis ​​do que o Wi-Fi, portanto, usar conexões com fio pode melhorar sua experiência na Internet, especialmente para dispositivos de alto tráfego como PCs, consoles de jogos ou smart TVs.

Se você está procurando uma cobertura total de Internet em sua casa, pode passar cabos Ethernet pelas paredes. Então, você terá conectores Ethernet em toda a sua casa para que possa conectar computadores, consoles de jogos, pontos de acesso Wi-Fi ou qualquer outra coisa em uma conexão com fio.

Ao comprar cabos Ethernet, você deve olhar para a categoria, especialmente para distâncias maiores que 100 metros. Qualquer coisa rotulada de Cat 3 a Cat 5 está obsoleta neste ponto.

Os cabos Ethernet Cat 6 são relativamente baratos e podem lidar com velocidades de internet de até 10 Gbps. Portanto, é isso que recomendamos para a maioria das pessoas – embora as categorias Ethernet agora subam para Cat 8, que pode transferir velocidades de até 40 Gbps.

Aproveite as vantagens da banda de 5 GHz

Descubra os padrões de suporte para todos os seus equipamentos sem fio e dispositivos e certifique-se de aproveitar as vantagens da banda de 5 GHz quando suportada.

Uma dica de bônus barata, mas não gratuita, é comprar um adaptador Wi-Fi para o seu computador se ele não for compatível com 5 GHz, mas por outro lado funcionará muito bem.

Gostou das dicas? Você já possui um provedor de serviços de internet que te permita ter uma internet de qualidade? Ainda não? Então entre em contato conosco e saiba o que é liberdade sem limites, afinal conexão move o mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Já está indo?

Quer ficar por dentro dos nossos sorteios e promoções? Preencha os campos abaixo